Lomadee

segunda-feira, 9 de julho de 2012

New Super Mario Bros. 2 não é Mario

Não sei se alguém estranhou no artigo sobre o Nintendo 3DS XL o fato de eu não ter mencionado New Super Mario Bros. 2, afinal eu já espero que os leitores do blog tirem algumas conclusões sozinhos, mas vamos revisar para quem acabou de chegar. É óbvio que não o mencionei porque New Super Mario Bros. 2 não é um Mario de verdade.

Assim que New Super Mario Bros. 2 foi anunciado eu fiquei bastante animado, não pelo jogo em si, mas porque seria um exercício de observação de forças soberbo. O Nintendo 3DS fazendo força para baixo, já que os consumidores o rejeitam, e New Super Mario Bros. 2 fazendo força para cima, pois é um sucesso de público.

Porém, algumas coisas vinham me incomodando desde o anúncio. O tempo de produção foi muito pequeno, os gráficos eram idênticos aos do Nintendo DS e o jogo iria inaugurar a era de vendas digitais da Nintendo. Todos esses eram sinais de que havia algo errado com o título, mas eu não pensei que pudessem estragar Mario 2D.

Ironicamente eu não ando pessimista o bastante para acertar as previsões por completo. Quando finalmente a Nintendo exibiu New Super Mario Bros. 2, eu tive certeza que aquilo não era Mario.


Todos os princípios de plataforma foram trocados por um gimmick, um artifício barato, a coleta de moedas. Agora o objetivo do jogo não é mais atravessar uma fase do início ao fim passando por desafios, mas sim passar de fase tentando coletar o máximo de moedas durante a fase. Desafios são trocados por colecionismo e quebra-cabeças.

Isso transformará New Super Mario Bros. 2 em um spin-off, um jogo paralelo derivado do original, e não um título da série principal de Mario, não uma verdadeira sequência de New Super Mario Bros. Alguns até acham que ele virou um jogo da série Wario.

É também por esse motivo que ele será o jogo que abrirá a estratégia digital da Nintendo, porque jogos digitais, jogos vendidos por download, são inferiores a jogos vendidos em caixa, esses sim são jogos de verdade. Ao menos é o que a Nintendo pensa.

Vamos lembrar, a Nintendo não é a Apple, ela acredita que jogos digitais têm depreciado o valor dos jogos. Só porque ela vai começar a vender também os seus jogos online, não significa que ela tenha mudado o seu pensamento.


Apenas New Super Mario Bros. 2 estará disponível. Por que não Super Mario 3D Land? Porque este ela considera um jogo de verdade. A Nintendo trata Mario 2D como um minigame, um produto inferior ao Mario 3D, colocando-o na linha de frente de sua empreitada digital e do Wii U, não por ser forte, mas por ser descartável. Há muito tempo ela quer que o público de Mario 2D migre para o 3D.

Por último, o preço. New Super Mario Bros. 2 será vendido por US$ 39,99, tanto em versão física quanto online. Este preço não faz o menor sentido para a versão digital, parece até que a Nintendo não quer vender o jogo online.

E esse é o ponto principal, ela não quer. A Nintendo está sentindo a perda do monopólio dos portáteis para jogos mais baratos, ela não quer se igualar a eles, quer estabelecer uma linha de valor e deixar bem claro que ela é diferente, que tem qualidade.

Porém, os jogadores não se voltaram para os jogos mais baratos para gastarem menos, eles têm dinheiro para gastar com seu lazer. O problema é que os jogos atuais não estão compensando seu investimento por não terem qualidade, por não darem o entretenimento que o jogador espera.

Esse círculo vicioso continuará quando consumidores satisfeitos de New Super Mario Bros., esperando encontrar mais do que gostaram no jogo original, se depararem com uma mecânica completamente diferente. O mesmo tipo de rejeição acontece toda vez que fãs de Mario 2D encontram um jogo diferente no Mario 3D: "Isso não é Mario".


Uma decisão errada em uma série não costuma se refletir no capítulo que errou, mas sim nos capítulos futuros. Muitos jogadores satisfeitos com o primeiro jogo comprarão a sequência sem pestanejar, mas se ficarem decepcionados com esta, não comprarão o próximo com tanta facilidade e nem recomendarão para outros jogadores.

Por isso não acredito que New Super Mario Bros. 2 venderá mal, mas ele deixará um gosto amargo, e tem potencial para acabar com uma das maiores qualidades de Mario 2D, as pernas longas, o evergreen, a capacidade de continuar vendendo por longos períodos de tempo, reservada apenas aos jogos verdadeiros da série.

4 comentários:

  1. O que achei deveras interessante na exibição do jogo da E3 que o um dos caras que esteva testando o jogo foi correndo para o final, no jogo coperativo, e deixou o outro que estava jogando junto a ver navios. Justamente no meio da explicação desse negócio de colecionar moedas.

    Ele jogou Mario como as pessoas jogam sem essa frescura de coletar moedas. Achei hilário.

    Achava, antes das explicações que era um modo a parte. Esse vai ser o jogo labarotário da nintendo.

    Infelizmente.

    ResponderExcluir
  2. O OBJETIVO continua a ser chegar ao final da fase.
    Você pegar um zilhão de moedas, mas ainda assim precisa chegar ao final da fase.

    ResponderExcluir
  3. Chega de Mario, o povo ta é evoluindo, crescendo
    e certos mitos de que qualquer Mario é mais divertido
    que qualquer outra coisa vao acabando.

    e Nintendo,.. essa deixa pra la

    ResponderExcluir
  4. Cara, parabéns, ótimo texto sobre o jogo, um dos melhores que li até agora. Também fiquei um pouco decepcionado com a Nintendo, vender online pelo mesmo preço vai ser um tiro no pé, não dá para entender esta política. Quanto ao jogo também não acredito que seja sucesso de vendas, sai muita da linha do tradicional.

    ResponderExcluir